Rio Maior apoia criação de Municipios em Timor Leste

TimorLesteRIO MAIOR – O Município de Rio Maior foi um dos 26 municípios portugueses a assinar um acordo de cooperação com a Secretaria de Estado da Descentralização Administrativa de Timor-Leste.

Esta cerimónia, realizada no passado dia 21 de Março na embaixada de Timor-Leste em Lisboa, contou com a comparência dos representantes de cada município, entre os quais a Presidente da Câmara Municipal de Rio Maior, Isaura Morais, do secretário de estado da Descentralização Administrativa de Timor-Leste, Tomás Cabral, da Embaixadora de Timor-Leste em Lisboa, Natália Carrascalão e da secretária de estado da Administração Local e da Reforma Administrativa, Ana Rita Gomes Barosa.

O governo de Timor procura desta forma, a experiência dos autarcas portugueses como colaboradores na construção dos Municípios Timorenses, traduzindo uma grande vontade de desenvolver e reforçar as relações de amizade e cooperação entre as instituições e pessoas dos municípios destes dois países.

Os municípios portugueses que já se disponibilizaram para apoiar Timor-Leste são Rio Maior, Tondela, Abrantes, Boticas, Bragança, Campo Maior, Cascais, Castelo Branco, Figueira de Castelo Rodrigo, Figueira da Foz, Funchal, Grândola, Guarda, Ílhavo, Lagoa, Lamego, Lisboa, Melgaço, Murça, Oleiros, Ourém, Paredes, Torres Novas, Vila Franca de Xira, Vila Velha de Ródão e Viseu.

Para este ano, estará previsto a criação de comissões instaladoras nos 13 distritos de Timor, bem como a aprovação pelo parlamento da lei do poder local, finanças locais e lei eleitoral. É intenção do governo timorense realizar as primeiras eleições autárquicas em 2015. Até lá os municípios portugueses devem contribuir principalmente com formação profissional aos quadros dos seus congéneres de Timor-Leste.

Comentários